Diretoria

 

Adriana Costa e Forti

Diretoria-Geral

 

A diretora geral do CIDH é também idealizadora e fundadora da instituição. É professora titular de Endocrinologia da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará (Famed-UFC), médica endocrinologista pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e doutora em Endocrinologia pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

 

Marcela Moura França

Chefe de Unidade Médica Assistencial

 

Chefe de Unidade Médica Assistencial desde de 2015, a profissional é médica endocrinologista pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) com área de atuação em Endocrinologia Pediátrica. É doutora em Endocrinologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

 

Regina Lúcia Vale Barroso

Chefe do Centro Administrativo-Financeiro

 

Administradora de empresas pela Universidade Estadual do Ceará (Uece) e possui especialização em Gestão Hospitalar pela mesma instituição. Também tem especialização em Gestão Hospitalar pela Faculdade Entre Rios do Piauí (Faerpi). É chefe do Centro Administrativo e Financeiro desde 2013.

Ambulatórios

 

Ambulatório do Pé Diabético

O serviço tem como finalidade a promoção da rápida cicatrização, prevenção de contaminação e/ou infecção e prevenção de amputações. A assistência é feita por uma equipe formada por profissionais de enfermagem especializados em cirurgião vascular. No ambulatório, são realizados procedimentos de cuidados com o pé diabético, como curativos especiais, avaliação clínica da cicatrização e assistência durante o período préoperatório, em casos de amputações. O setor atua também com educação continuada para prevenção de complicações do pé diabético.
 
Atendimento de segunda-feira a sexta-feira: 7h às 16h
 

Ambulatório de Cardiologia

No ambulatório, os pacientes são acompanhados por uma equipe interdisciplinar composta por cardiologistas, enfermeiros e nutricionistas e tem como finalidade garantir a continuidade e a integralidade do cuidado aos usuários, com prevenção de possíveis complicações e melhoria da qualidade de vida. São realizados três exames no setor: ECG (Eletrocardiograma), que avalia a frequência cardíaca, arritmias e alterações isquêmicas; Ecodopplercardiograma, que avalia o tamanho, função, dinâmica e alterações morfológicas do coração; e Mapa, que monitora a pressão arterial por 24 horas, auxiliando no diagnóstico para um adequado tratamento e prevenção de complicações.
 
Atendimento de segunda-feira a sexta-feira: 7h às 16h
 

Ambulatório de Desenvolvimento (Puberdade Precoce e Baixa Estatura)

No ambulatório, são atendidas crianças com suspeita de puberdade precoce: em meninas que apresentam surgimento de mamas e/ou pelos pubianos ou axilares antes dos 8 anos e em meninos, menores de 9 anos, que apresentam aumento dos órgãos genitais e/ou pelos pubianos ou axilares antes dos 9 anos. Há atendimento para crianças com diagnóstico de deficiência do hormônio de crescimento.
 
O paciente encaminhado por pediatras ou endocrinologistas passará por triagem realizada pelo Serviço Social do CIDH para avaliação dos requisitos necessários para atendimento no serviço. Também pode haver encaminhamento pela Central de Regulação.
 
Atendimento de segunda-feira a sexta-feira: 7h às 16h