Internação ou isolamento domiciliar?

 

O isolamento familiar é uma conduta prevista pelo Ministério da Saúde e que pode ser indicada pelo médico, a depender da condição clínica do paciente. A internação é indicada para pacientes com febre e sintomas respiratórios graves. Devem permanecer em casa pessoas com sintomas leves e que já tenham se consultado com um médico.
 
Nessa condição, o paciente deve ser mantido em casa, recebendo cuidados como hidratação e repouso. Os familiares devem tomar as precauções já indicadas, como evitar compartilhamento de objetos pessoais, contatos com secreção do paciente e higienização constante das mãos e do ambiente.

 

É recomendado o uso de máscaras de proteção?

 

No momento, não há recomendação para uso de máscaras para a população em geral. Quem estiver saudável, não precisa se preocupar. Mas todos devem, sempre, fazer a higienização das mãos com água e sabão ou álcool gel, e evitar contato com mucosas de nariz, boca e olhos. São cuidados simples, importantes e que devem ser diários para prevenir qualquer tipo de doença.

 

Haverá medida de restrição ou bloqueio a pessoas com sintomas vindas de outros países? E monitoramento de temperatura?

 

O que o Governo do Ceará está fazendo para combater o COVID-19 em nosso estado?
 
a) Decretada situação de emergência em saúde no Ceará.
b) Suspensos, por 15 dias, eventos públicos com mais de 100 pessoas.
c) Suspensos, por 15 dias, atividades em equipamentos públicos, como shows, cinema e teatro, bibliotecas e centros culturais.
d) Suspensas, por 15 dias, atividades nas escolas, universidades e faculdades das redes de ensino pública, obrigatoriamente a partir de 19 de março. Recomendado também para instituições particulares.
e) Suspensa, por 15 dias, a visitação em unidades prisionais ou de internação do sistema socioeducativo.
f) Os eventos esportivos no Ceará somente poderão ocorrer com os portões fechados ao público.
g) Ficam suspensas, por 30 dias, prorrogáveis, as férias de todos os profissionais da área da saúde do Estado.
h) Ficam canceladas todas as viagens a serviço, nacionais e internacionais, de servidores públicos estaduais.
i) Os servidores públicos estaduais com idade igual ou superior a 60 anos poderão, em caráter excepcional, trabalhar em suas residências.
j) Os transportes públicos deverão passar, no mínimo, uma vez ao dia, por processo de higienização especial.
k) Criada a Rede de Teleatendimento em Saúde para atendimento da população (24h).
l) A elevação de preços, sem justa causa, de insumos e serviços relacionados ao enfrentamento da COVID-19 será considerada abuso do poder econômico.

 

Há restrições para comprar mercadorias vindas de países com casos confirmados da doença?

 

O vírus tem vida de 24 horas. Tudo que vem da China, por exemplo, demora mais que esse período para chegar ao Brasil. Por enquanto, não há indícios ou evidências de que seja preciso evitar a importação de produtos.

 

Canais de comunicação para o cidadão (COVID-19)

 

O Governo do Ceará disponibiliza o TeleSaúde 0800 275 1475 para tirar todas as dúvidas da população sobre o novo coronavirus (COVID-19). O atendimento de profissionais capacitados é de plantão 24 horas para evitar a ida desnecessária da população até as unidades de saúde.
 
(85)3219-5973 | (85) 3219-8582 | (85) 98439-0422 (Todos os dias de 7 às 19h)

 

Onde buscar atendimento?

 

A Rede Estadual de Saúde está preparada e organizada para receber os casos. Através da Rede de Assistência, a população pode ter acesso aos locais de atendimento, unidades para internamentos, além dos pontos para coleta de exame.
 
Se você viajou para fora do Estado ou tem mais de 60 anos de idade e apresenta febre a partir de 38°, tosse, coriza e dificuldade de respirar, procure uma unidade de saúde. Caberá ao médico dessa unidade avaliar e definir se é necessário encaminhar a um hospital de maior complexidade, que seja referência para atender os casos considerados graves.
 
Confira no link abaixo onde encontrar atendimento: